Notas sobre tipologías constructivas y sociales de cortiços en el centro de São Paulo, Brasil

  • Juan Guillermo Gil García
Palabras clave: Centros históricos, slums, hábitat, vivienda social

Resumen

Los cortiços son inquilinatos, grandes casas, ubicadas en las zonas centrales, ilegalmente subdividas para arriendo, donde las áreas de servicio y los patios son compartidos. Los cortiços paulistas, se han convertido en una expresión cultural y en una forma especial de habitar en una megalópolis global como lo es São Paulo. La idea de este estudio es poder dar una visión espontánea, desde el punto de vista de la experiencia vivida en las visitas, en contacto con los moradores, brindando una perspectiva real de la situación habitativa para los distintos tipos de cortiços, proponiendo un proyecto real para un cortiço vertical, y un proyecto académico para un cortiço tipo vecindario característico de la ciudad.

Biografía del autor/a

Juan Guillermo Gil García

Arquitecto Pontificia Universidad Javeriana, Bogotá D.C., Colombia; Especialista
en Hábitat, Tecnología y Desarrollo del Politécnico de Turín, Torino, Italia. Docente Catedrático en el Programa de Arquitectura de la Facultad de Arquitectura y Diseño de la Universidad Católica de Pereira UCP.

Citas

A cidade informal no secolo 21, (2010) Prefeitura de São Paulo, Secretaria da Habitação e Desenvolvimento Urbano Amaral de Sampaio, Maria Ruth., Xavier Pereira, Paulo Cesar, Habitação em São Paulo, (2003). XVII edizione, vol. 48, Estudos Avançados, São Paulo.

Cortiços em São Paulo, Soluções viáveis para habitação social no centro da cidade e legislação de proteção á moradia. Cortiços, a experiencia de São Paulo, Prefeitura de São Paulo, Habitação.

Programa morar no centro, Prefeitura de São Paulo, Secretaria da Habitação e Desenvolvimento Urbano. (2010). Moradia e Central, Inclusão, Acceso e Direitto a CidadeInstituto Polis, São Paulo.

Global Report on Human Settlements (2003). The Challenge of Slums, UN-Habitat.

Laboratorio de projeto, integrado e participativo para requalifição de Cortiço. (2004).

Politecnico di Torino, Universidade de São Paulo Faculdade de Arquitetura e Urbanismo Origens da habitação social no Brasil: Arquitetura Moderna, Lei do inquilinato e Difusão da Casa Própia, IV edizione, Estação Liberdade, São Paulo.

Piccini, Andrea. (1999). cortiços em São Paulo. Conceito e preconceito na reestruturação do centro urbano de São Paulo, São Paulo, Annablume.

Piccini, Andrea. (1999) cortiços na cidade, conceito e preconceito na reestruturação do centro urbano de São Paulo.

UN-Habitat. (2003). Slums of the World: The face of human poverty in the new millenium,

Nabil Bonduki. (2004). Origens da habitação social no Brasil: Arquitetura moderna, Lei do inquilinato e Difusão da Casa Própia, IV edizione, Estação Liberdade, São Paulo.

Secretaria Municipal do planejamento, Cortiços em São Paulo. (1986). Frente e verso, Municipio de São Paulo. San Paolo.

Simões Junior José Geraldo, Cortiços em São Paulo (1991). o problema e suas alternativas, in “POLIS”, n.2, POLIS, San Paolo

Secretaria da Habitação e desenv. urbano (a cura di), (1992). Cortiços programa de habitação populares da Região central de São Paulo. San Paolo.

Teixeria dos Santos André Luiz Et Al. (2003). Laboratorio de projeto integrado e partecipativo para requalificao de cortiços. FAUUSP, San Paolo.

Terranova Antonino, Spirito Gianpaola, Leone Sabrina, Spita Leone, Forme. (2010). dell'architettura sostenibile. Edizioni White Star

Urban slums reports: The case of São Paulo, Brazil.

Publicado
2019-08-22
Sección
Artículos